Reseñas

Faraco, Carlos Alberto e Ana Maria Zilles

Faraco, Carlos Alberto  e Ana Maria Zilles (2017). Para conhecer norma linguística. São Paulo: Contexto. 224 p.

Resenhado por Fernanda Castelano Rodrigues

As discussões sobre o lugar da norma na língua portuguesa no Brasil parecem infindáveis. E entre sua defesa fervorosa por alguns gramáticos e seu repúdio absoluto por alguns linguistas, há milhões de brasileiros que acreditam que “não sabem falar português”.

Para conhecer norma linguística, de Carlos Alberto Faraco e Ana Maria Zilles, lançado em 2017 pela Editora Contexto, pode ser o livro recomendado para aqueles que desejam compreender a questão sem extremismos, para entender o conceito de norma, mas também para interpretar qual é o seu papel nos estudos linguísticos, qual é sua funçãona vida cotidiana dos brasileiros e, principalmente, a quem interessa a manutenção de um discurso normativo excludente.

A obra está organizada em quatro partes: as duas primeiras – Norma: tecendo conceitos e Norma: descrição e prescrição –, apresentam os conceitos mais fundamentais sobre o tema da obra e conduzem a uma reflexão qualificada sobre a paradoxal “cultura linguística normativa” que caracteriza o espaço brasileiro.

Pelo conteúdo dessas duas primeiras partes, portanto, já valeria a pena a leitura desse livro. Porém, suas duas partes seguinteso tornam ainda mais interessante. Na terceira, Breve histórico da normatização do português, os autores, explicitam os diversos aspectos dessa “normatividade equivocada” da língua portuguesa no Brasil. Finalmente, a quarta parte do livro, Norma e ensino,estabelece relações entre o conhecimento acadêmico sobre a norma e o ensino da língua em contexto escolar.

Ao final de cada uma das quatro partes, a seção Leituras complementares traz sugestões de livros e coletâneas de artigos comentados para o aprofundamento dos temas desenvolvidos, e em Exercícios, os autores propõem questões que pretendem retomar os conteúdos explicitados no capítulo e produzir a reflexão a partir do estabelecimento de relações entre a teoria e a prática linguística.

Um aspecto relevante a ser destacado da obra é o fato de pertencerà coleção “Para conhecer”, série de cunho didático que almeja primordialmente tornar acessível o conhecimento teórico e metodológico sobre temas do campo da Linguística a estudantes de graduação. Essa particularidade torna o livro especialmente interessante, pois o coloca num rol que infelizmente não é muito amplo: o dos materiais didáticos para os estudos iniciais em nível superior nos campos da Linguagem eda Linguística no Brasil. Ademais, também confere à obra uma linguagem mais direta e didática do que a que se encontra em artigos acadêmicos, possibilitando o acesso ao conhecimento do que há de mais recente e significativo nas pesquisas sobre a norma a um público que está iniciando suas leituras ou seus estudos nesses campos.

Esse objetivo essencialmente didático do livro não prejudica em nada a profundidade com que os autores abordam o tema deste volume, ao contrário: poucas obras conseguem, como esta, abarcar tantos pontos significativos sobre “o problemada norma” de modo geral e, também, especificamente na história social do português no Brasil. Relacionando os aspectos teóricos às questões práticas do cotidiano de uso e ensino da língua, este livro tem muito a contribuir com o desenvolvimento de uma consciência linguística nos sujeitos brasileiros e, tendo em conta as características do espaço no qual deverá circular, também de uma consciência social.

0 comments on “Faraco, Carlos Alberto e Ana Maria Zilles

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

w

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: