Artículos

PLIEGUES SOBRE UN TÍTULO: FOTOGRAMA DE LAS TENSIONES Y DISPUTAS DISCURSIVAS EN/DE LA ACTUALIDAD

Fragmentum

Mara Glozman (UBA – Argentina/CONICET)
Vanise Medeiros (UFF; CNPq, FAPERJ)

“Compreendemos que há um processo discursivo que, no momento, sabe-
mos não poder entendê-lo por completo” (SILVA SOBRINHO)

Um título e seus efeitos

“Assim como uma cidade”, nos avisa Compagnon (1996, p. 81), “o texto é cercado por todos os lados”. Por uma perigrafia que o circunda – nome de autor, referências bibliográficas, por exemplo – bem como, no caso, por um nome de revista, por uma instituição que a sustenta, para ficar com dois pilares importantes. O título faz parte dessa maquinaria que o cerca.
No que concerne ao leitor, sinaliza veredas de leitura, convoca ou afasta, atrai ou afugenta, trapaceia. Intervém, pois, sobre a leitura. No que se refere a sua produção, pode nascer antes do texto, como um farol que o orienta ou uma cilada que o atrapalha; pode advir depois, como porto feliz de chegada ou como ponto final de uma jornada tormentosa. Pode se dar ao longo do texto, como momento epifânico; pode não se deixar inscrever, busca incessante sem o sossego do encontro. São vários os seus funcionamentos – pode ser prolixo (na ilusão de tudo ali dizer?) ou sintético (na ilusão da justeza no dizer?); pode ser uma citação, uma alusão, um enigma posto por uma pontuação, caso das reticências que encabeçam a tradução de Tulio de Mauro na revista Fragmentum– e seus efeitos. Dobra sobre o texto, trabalha a ilusão de uma correspondência entre o corpo textual e a formulação que o nomeia.
Um título é uma projeção no imaginário de texto ou de revista. No caso da revista, funciona como princípio de organização e produz o efeito de unidade, atrelando e tecendo uma trama entre artigos e autores, e, neste nosso caso, também resenha. Tem estatuto hierárquico: imperioso numa publicação acadêmica, ausente ou oculto pelo nome “Apresentação” no início de uma revista ou de um livro, por exemplo. Se um prefácio ou uma apresentação são retrospectivos, um título em uma revista é prospectivo: fragmento que se faz enunciado e se oferece como porta de entrada.

Continuar leyendo aquí: PDF

0 comments on “PLIEGUES SOBRE UN TÍTULO: FOTOGRAMA DE LAS TENSIONES Y DISPUTAS DISCURSIVAS EN/DE LA ACTUALIDAD

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: